sábado, 25 de junho de 2011

Continuando SPFW- Sai Lista com os 10 Piores Looks do Evento

Voltando a falar um pouquinho sobre o mega evento de moda SPFW, essa semana saiu uma lista que dividiu comentários no blog norte-americano Fashionista.com, onde Leah Chernikoff fez uma seleção dos dez looks mais ridículos da SPFW. A jornalista, que cobriu a semana de moda a convite do evento, elaborou um texto bem irônico e que apesar do tom de humor, não agradou muita gente. “Acabei de voltar do SPFW, onde vi muitas ótimas roupas na passarela. Mas também vi um monte de roupas loucas. E, vamos ser honestos, às vezes as coisas loucas são muito mais divertidas de ver. Então aqui vai o top 10 de looks mais ridículos do SPFW”.
Ela iniciou o post falando sobre o desfile de Fause Haten, que teve o branco como o grande trunfo da coleção de verão. O performático desfile, contava com modelos vendadas com máscaras de dormir, que eram conduzidas por homens de preto, entre eles o próprio Fause Haten. Com muito brilho, rendas, transparências e babados na cintura, nas barras e nas golas, a coleção, segundo o estilista, trazia uma proposta de relaxamento, de leveza, mas para Leah as modelos temporariamente “cegas” não agradaram muito. A jornalista escreveu: "As modelos usavam máscaras de dormir durante todo o show. O que significa que tiveram de ser escoltadas na passarela".
O toque meio “vampiresco” na maquiagem do desfile da marca V. Rom viraram piada no Fashionista.com. Os modelos que tinham suas bocas sujas, com aspecto de ensanguentadas não fizeram muito sucesso com Leah Chernikoff.  “Não, este modelo masculino não comeu outro modelo masculino. Nem um animal vivo. Foi maquiado assim". Talvez ela não seja muito fã de Crepúsculo, True Blood, The Vampire Diaries...       

Gente nem a Osklen, que a própria Leah tinha elogiado pela sensibilidade urbana da marca, escapou das críticas da jornalista. O alvo dessa vez não foi todo o desfile, e sim uma única peça, mas especificamente um maiô de couro de pirarucu. "Eis um maiô com o qual você jamais poderia nadar", disse a “impiedosa” blogueira.
Os extravagantes acessórios de André Lima foram “acusados” de tirar a atenção das roupas. "Difícil olhar para as roupas com um acessório de cabeça deste tipo", declarou Leah.
A Cavalera trouxe para a passarela um certo modelo que dispensa comentários. Tanto que Leah economizou caracteres na crítica: "Não fez parte da coleção, mas..." Nesse caso até eu vou ter que concordar que a presença da figura era dispensável.  
Imaginem se o polêmico desfile de Samuel Cirnansck iria ficar de fora da lista. Com modelos amordaçadas e amarradas com os braços para trás, o desfile realmente causou desconforto no público. Para Leah Chernikoff o estilista "definiu o tom escandaloso de sua coleção com noivas usando mordaças".
Outra peça bastante criticada e ironizada pela jornalista foi o macacão da grife Neon. Com um corte meio minimalista e estampas geométricas, a peça também não agradou Leah, que ironizou: "Uma imagem lisonjeira".

Reinaldo Lourenço, que inclusive teve sua coleção bastante elogiada pela imprensa brasileira, também teve seu nome pontuado na temerosa lista. "Os peitos de gato não aparentam tão malucos na vida real quanto soam na escrita. Mas isso talvez seja uma coisa minha". Sinceramente não acho que a peça deveria estar entre as piores.

Nem os looks masculinos de Lino Villaventura conseguiram escapar da blogueira: “os suspensórios invertidos, as camisetas estranhas e o bigode desenhado no rosto”.
E no fim da lista a jornalista aproveita para pegar novamente no pé da Neon: "Uma cesta faz um belo chapéu. Pergunte a Rachel McAdams".
Como eu tinha dito no começo do post, essa lista desagradou muita gente e alguns resolveram se manifestar contra ela, como foi o caso de Chris Pitanguy  que declarou em seu blog sua insatisfação: “Desta a gente NÃO precisava! Acho que é  notável ver o  lado bom do trabalho de um ser humano, afinal, foi colocada toda a energia naquilo, não acredito que haja brincadeira [ a palavra "ridículo" foi muito infeliz neste contexto ]…  Eu me asustei, de tão  ”ridícula” é esta reportagem.  Tanto tempo de viagem e desgaste para isto? - Não sou contra críticas [acho saudável, quando é bem feita], mas nesta matéria, poderia ter  gerado um contraponto, com os bons trabalhos, pois os temos também, como a própria jornalista escreveu no texto.”
A polêmica foi tanta que o blog alterou o título da nota. No lugar de “ridículos”, escreveu “extravagantes".
Bom galera, o fato é que cada um tem sua opinião e todos tem o direito de manifestá-la, é claro, sabendo que depois vem as consequências. Provavelmente tão cedo a Leah Chernikoff será convidada para eventos no Brasil. Mas e vocês, o que acharam da polêmica lista? Concordam com Leah na escolha desses looks como os mais ridículos? Aprovam a postura da Chris contra a lista?

Beijinhos Democráticos,



Nenhum comentário: