quarta-feira, 7 de março de 2012

Vamos controlar a pressão?

Parece assunto que não entra, ainda, na nossa lista de preocupação, mas digo uma coisa a vocês: precisamos parar e observar melhor nossa pressão! 
Hoje, atualmente, são inúmeros os casos de pessoas que morrem em decorrência de doenças relacionadas à pressão. De jovem à melhor idade, isso mesmo! Estamos vivendo uma fase de alerta, onde não devemos mais esperar pelo fato, precisamos nos antecipar na prevenção.
Teremos uma conversa séria, contudo, em sinal de alerta, sobre Infarto Agudo do Miocárdio, sendo este assunto o tema de uma aula que tive na faculdade, onde achei de grande valor compartilhar com vocês. De antemão informo que não é um assunto rápido, afinal, são inúmeros os fatores que podem gerar esse agravo ao organismo.
Infarto Agudo do Miocárdio (IAM) é caracterizado pela oferta inadequada de oxigênio (O2) ao coração, o músculo miocárdio. Como disse anteriormente: debilidade no controle da pressão está sendo, atualmente, a principal causa de morte. 
Há alguns fatores de risco, como falta de atividade física – sedentarismo, obesidade, tabagismo, diabetes, idade (a incidência aumenta após os 30 anos), mulheres após a menopausa, pessoas com antecedentes familiares de doenças do coração, dentre outros fatores.
Nosso coração é um músculo que precisa constantemente da presença de oxigênio para realizar suas atividades, tendo o sangue uma fluência constante e sem debilidades. Tomando como base um assunto que muitos escutam falar, a presença de gordura nas artérias, podemos expor melhor essa idéia inicial do IAM.
A Aterosclerose é uma doença que se caracteriza pela presença de gordura na parede das artérias, havendo, com o passar do tempo e permanência de hábitos errôneos, um bloqueio causado pelo acúmulo anormal de placas de gordura. Falo anormal, pois durante toda a nossa vida, desde de criança, há depósito de gordura nessas estruturas. Todos nós temos a probabilidade de nos tornarmos pessoas que precisam de cuidados específicos ao coração. Sabendo disso, é de importância individual cuidar desde já desse órgão que não pode se tornar doente, de maneira alguma! 
Existe outra coisa que precisa ser controlada: o Colesterol. Hoje, tomando como base os jovens, se alimentam mal e/ou sem controle, visto que esse fator se torna um agravante aos níveis de colesterol. Precisamos ter um melhor controle da nossa alimentação, visando não só a satisfação momentânea, e sim, a saúde atual e futura.
Agora, o que fazer? Para começar: iniciar uma atividade física, ter uma dieta saudável, abolir hábitos errôneos (consumo de álcool e cigarro), essas ações são primordiais. Dentre outra muito importante é: Viver sem preocupações, sem stress. (É quase impossível, mas preciso deixar essa dica).
Contudo, o que a Fisioterapia pode fazer com pessoas que sofreram Infarto Agudo do Miocárdio (IAM)?
Dentre algumas medidas, podemos citar:
- Evitar atrofia muscular devido ao tempo recorrente nas unidades de terapia intensiva (UTI);
- Prevenir doenças aproveitadoras, tipo: pneumonia, trombose, embolia pulmonar, dentre outras;
- Diminuir a ansiedade do paciente;
- Aliviar a dor;
- Instruir o paciente sobre os novos hábitos de vida que precisam ser seguidos;
- Manter ou restaurar a autonomia do paciente.

Abs saudáveis





Estive ausente nas postagens devido aos compromissos oriundos da minha profissão, peço que entendam, afinal tudo que fazemos hoje é pensando no futuro. E vocês, por consequência, ganham junto!   

Nenhum comentário: